Síndrome do Ovário Policístico (SOP)

A síndrome dos ovários policísticos é um distúrbio hormonal caracterizado por anormalidades reprodutivas, endócrinas e metabólicas. A prevalência global varia de 8 a 13% de mulheres em idade reprodutiva e é a causa mais provável de infertilidade mediada por anovulação, atingindo cerca de 2 a 26% de pacientes na faixa etária de 18 a 44 anos.

Dentre as manifestações clínicas, destacam-se hiperandrogenismo, alterações policísticas ovarianas, oligomenorreia e amenorreia.

SOP e comorbidades

As mulheres portadoras de SOP têm risco aumentado para a ocorrência de:

  • Diabetes mellitus tipo 2;
  • Síndrome metabólica;
  • Doenças cardiovasculares, como hipertensão e dislipidemias
  • Doenças ginecológicas, incluindo infertilidade, displasia endometrial, câncer endometrial e tumores ovarianos malignos;
  • Complicações na gravidez, como parto prematuro, baixo peso ao nascer e eclâmpsia;
  • Transtornos emocionais e mentais.

Além disso, a patologia é frequentemente acompanhada de desenvolvimento folicular anormal, obesidade, resistência à insulina (RI), hiperinsulinemia compensatória, hiperandrogenismo e inflamação de baixo grau.

Mitocôndrias

As mitocôndrias são organelas responsáveis pela geração de energia via fosforilação oxidativa., mas também são as principais fontes de espécies reativas de oxigênio (EROs), levando a Estresse Oxidativo (EO). Por esse motivo, as anormalidades mitocondriais resultam em diferentes distúrbios metabólicos.

Biogênese mitocondrial e SOP

No caso da SOP, as EROs geradas são o principal fator de patogênese, visto que danificam as moléculas biológicas quando os níveis de enzimas antioxidantes são mais baixos do que o necessário, como superóxidos dismutase (SOD) e glutationa peroxidase.

Estratégias nutricionais

A disfunção mitocondrial desempenha papel crucial no desenvolvimento da SOP, por isso é importante considerar terapias para melhora do desempenho das mitocôndrias.

Vitamina D 

A vitamina D pode contribuir com a melhora da biogênese e dos parâmetros antiapoptóticos; além de regular positivamente a expressão de antioxidantes (SOD, glutationa peroxidase e catalase) e reduzir EROs.

Ostadmohammadi et al. (2019) conduziu um ensaio clínico randomizado, duplo-cego e controlado por placebo para avaliar a relação da suplementação da vitamina D com saúde mental, parâmetros hormonais, inflamatórios e EO em mulheres com SOP. 60 participantes de 18 a 40 anos ingeriram 50000UI de vitamina D a cada 2 semanas e tiveram resultados positivos nos parâmetros de saúde mental, testosterona total sérica, hirsutismo, níveis plasmáticos de antioxidantes e proteína C-reativa.

Melatonina

A melatonina regula as funções metabólicas e imunológicas, além de possuir propriedades antioxidantes. Além disso, o hormônio contribui com a proteção do óvulo contra o estresse oxidativo, preservando sua qualidade, estando diretamente com a fertilidade feminina. Em pacientes com SOP, a melatonina protege as mitocôndrias contra lesão celular através da diminuição dos níveis de IL-6 e TNF-α.

Inositol

O inositol modula o metabolismo dos esteroides e da glicose, auxiliando na redução da insulina e prevenindo a resistência a insulina (RI). Quando combinados com outros agentes antioxidantes, como ácido α-lipóico, pode normalizar os níveis de citocinas plasmáticas (IL-1β, IL-6, IL-10, IL-17A, TNF-α e MCP-1) e hormônios esteroides (LH, FSH, estrogênio, progesterona e testosterona).

MBNE 2022

O 7º MBNE será realizado entre os dias 13 e 14 de maio, em São Paulo, e receberá os maiores palestrantes da nutrição estética no país, além das principais marcas de suplementos, nutracêuticos e superfoods durante a Nutri Beauty Expo. Com o tema Nutrição Estética e Saúde da Mulher, o congresso aprofundará a imersão de nutricionistas, médicos e farmacêuticos na ciência da nutrição, fomentando o desenvolvimento da nutrição estética e o crescimento do mercado.

Clique aqui e saiba mais sobre o MBNE 2022.