O padrão alimentar levado pela mulher possui interferência direta em sua saúde, sendo um grande aliado para a prevenção e melhora de diferentes quadros e fases, como durante a menopausa. Estudos comprovam que o consumo de alimentos funcionais, como a soja, aliviam não somente os seus sintomas, mas como também garante a proteção ideal para o organismo, contra os quadros que podem ser desenvolvidos em decorrência das alterações hormonais.

Além disso, a maneira como o ingrediente é manuseado é capaz de interferir na diminuição da sua biodisponibilidade. Por isso, se faz importante o domínio de técnicas gastronômicas para prescrição dietética.

Papel da cozinha funcional na saúde e estética feminina

Dentre as diferentes fases que a mulher passa no decorrer de sua vida, é possível observar alterações hormonais, que causam diferentes tipos de sintomas – como problemas cardiovasculares, alterações no tecido cutâneo, oscilação de humor e até mesmo osteoporose.

Além do tratamento convencional, ou seja, acompanhamento com uma equipe transdisciplinar, onde ocorre o tratamento farmacológico e suplementação para o alívio de sintomas, recomenda-se a inclusão de alimentos funcionais na prescrição clínica. Dentre estes, os principais para o tratamento da menopausa, é possível citar as isoflavonas e as lignanas, encontradas na soja e na semente de linhaça, respectivamente.

Outro fator que deve ser levado em consideração é a maneira como tais alimentos serão preparados, ou seja: a cozinha funcional. De cocção à fritura, se manuseado da maneira incorreta, a preparação diminuirá a biodisponibilidade de nutrientes do alimento, o tornando um alimento com baixa qualidade nutricional. Veja abaixo:

  • Alimentos que possuem betacaroteno (como a abóbora): estes alimentos garantem a proteção ao tecido cutâneo, devido à sua alta concentração de vitamina A. Devem ser armazenados em baixas temperaturas e cozido ao fogo baixo, tendo em vista de que a alta exposição ao calor e luz, impulsionam a perda de seus mecanismos.
  • Alimentos fonte de antocianidina (como as frutas vermelhas): além de serem potentes antioxidantes, os alimentos fonte de antocianidina auxiliam na proteção da pele e regulação hormonal. Para garantir a sua biodisponibilidade, é necessário mantê-las em temperatura ambiente, sem exposição solar.
  • Alimentos fonte de isotiocinatos (como o brócolos): para garantir a biodisponibilidade deste composto, é recomendado que cozinhe a vapor, tendo em vista de que está é a técnica que mais preserva a sua biodisponibilidade.

Mulher na cozinha, preparando uma refeição

Cozinha Funcional e Saúde da Mulher na 7ª Edição do MBNE

Durante todas as fases de sua vida, a mulher passa por diferentes alterações hormonais, que impactam na qualidade da sua saúde, sendo de suma importância o acompanhamento nutricional em todas essas fases. Para assegurar a melhoria deste acompanhamento, é necessário compreender o impacto que a cozinha funcional possui na biodisponibilidade dos nutrientes. Para saber mais sobre como a nutrição impacta na saúde da mulher, não perca o talk show com as nossas convidadas especiais: Dra. Sheila Mustafá e  Dra. Paloma Tussett.

O 7º MBNE acontecerá nos dias 13 e 14 de maio, em São Paulo, e receberá os maiores palestrantes da nutrição estética no país, além das principais marcas de suplementos, nutracêuticos e superfoods durante a Nutri Beauty Expo.

Clique aqui e saiba mais sobre o MBNE 2022.

REFERÊNCIAS 

DRAPER, C. F.; DUISTERS, K.; WEGER, B.; CHAKRABARTI, A.; HARMS, A. C.; BRENNAN, L.; HANKEMEIER, T.; GOULET, L.; KONZ, T.; MARTIN, F. P.. Menstrual cycle rhythmicity: metabolic patterns in healthy women. Scientific Reports, [S.L.], v. 8, n. 1, p. 1-15, 1 out. 2018. Springer Science and Business Media LLC. http://dx.doi.org/10.1038/s41598-018-32647-0. Disponível em: https://www.nature.com/articles/s41598-018-32647-0. Acesso em: 05 mar. 2022.

OLIVEIRA, Samile Melo et al. EFEITOS DA ISOFLAVONA NA PÓS-MENOPAUSA: REVISÃO DE LITERATURA. Mostra Científica da Farmácia, [S.l.], v. 4, n. 2, aug. 2018. ISSN 2358-9124. Disponível em: http://publicacoesacademicas.unicatolicaquixada.edu.br/index.php/mostracientificafarmacia/article/view/2283. Acesso em: 05 mar. 2022.

SILVEIRA, Deise Meregalli da; CAVALCANTI, Daniella da Silva Porto. ISOFLAVONA DE SOJA COMO ALTERNATIVA DE REPOSIÇÃO HORMONAL NA MENOPAUSA. Revista Acadêmica do Instituto de Ciências da Saúde, [S.I], p. 1-15, 2019. Disponível em: http://revistas.unifan.edu.br/index.php/RevistaICS/article/view/510/406. Acesso em: 05 mar. 2022.